iFood lidera empresas para apoiar entregadores, restaurantes e dar descontos a clientes

21/05/2020

O iFood se uniu a marcas como Coca-Cola, Copagaz e Hellmann’s para o movimento Todos à Mesa para oferecer refeições prontas a entregadores e pessoas em situação de vulnerabilidade, dar descontos a clientes e dar mais visibilidade a restaurantes menores.

Por meio do aplicativo, a foodtech vai disponibilizar, em parceria com a Coca-Cola, 100 mil cupons de desconto de R$ 8 a usuários a fim de incentivar o consumo em estabelecimentos pequenos. Com notificações no celular o público fica sabendo.

“O Todos à Mesa nasceu para ser um catalisador de boas ações que usa da tecnologia para ajudar as pessoas. Por meio do app já estávamos arrecadando doações, mas com tantas empresas e pessoas nos procurando, criamos uma grande ‘mesa’”, diz Bruno Montejorge, diretor de comunicação institucional e sustentabilidade do iFood.

“O diferencial é justamente a diversidade de atuação desses grandes parceiros o que permite ampliar ainda mais a ajuda para quem necessita e diminuir o impacto da pandemia na vida das pessoas”, afirma o executivo.

Instituições que atendem população carente terão o apoio da Hellmann’s, que dará em dobro a quantidade de refeições doadas pelos usuários do iFood no espaço específico criado no app durante este período de crise por causa do novo coronavírus.

Entre as instituições que prestam auxílio a comunidades estão Sefras (Serviço Franciscano de Solidariedade), Cufa (Central Única das Favelas), Seta (Sociedade Educativa de Trabalho e Assistência) e Semear.

A Copagaz, especializada em gás de cozinha, mira uma ajuda com refeições prontas a caminhoneiros. Assim como a Hellmann’s, a empresa vai oferecer o dobro do que usuários do iFood doarem por meio da nova funcionalidade do aplicativo. Segundo a empresa, a expectativa é oferecer 5.000 pratos a profissionais na rodovia Castello Branco, em São Paulo.

Entre os beneficiados do movimento Todos à Mesa ainda estão os entregadores dos restaurantes que vão preparar os alimentos das ações em parceria com a Copagaz e Hellmann’s. O iFood vai destinar a eles uma refeição por dia.

“Essa iniciativa soma-se a outras que destinam mais de R$ 14 milhões a esses profissionais. Por exemplo, dobramos as gorjetas do mês de abril e eles receberam mais de R$ 4 milhões”, afirma Montejorge.

Desde o início da pandemia, diz o iFood, a empresa já incentivava a doação de cestas básicas pelo aplicativo. Em parceria com a ONG Ação da Cidadania, 80 toneladas foram doadas pelos usuários em março —quantia que foi dobrada pela companhia, beneficiando cerca de 65 mil pessoas em situação mais vulnerável.

Fonte: Folha de S.Paulo