Sabor nacional: 5 cervejarias para você conhecer em 2020

10/02/2020

O Brasil vem ganhando força no mercado de produção de cervejas artesanais, e o que não falta em território nacional é variedade de opções para os amantes dessa bebida. Segundo o Anuário da Cerveja no Brasil, produzido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), há 889 cervejarias com instalações próprias em funcionamento no País.

 

As opções são vastas: de Pilsen a Stout, de IPA a Sour. Quem realmente gosta de cerveja pode encontrar dentro do País uma marca que sacie seus desejos. Espalhadas pelos quatro cantos do Brasil, as cervejarias artesanais caem cada vez mais nas graças do consumidor, por isso separamos alguns produtores nacionais que você precisa conhecer em 2020.

 

1. Bodebrown

 

Fundada em 2009 pelo pernambucano Samuel Cavalcanti e pela paraense Andrea Cordeiro Pinto, a Bodebrown é uma das cervejarias mais conhecidas e premiadas do Brasil. Entre as suas cervejas mais famosas está a Perigosa, a primeira Imperial Double IPA lançada no País. A marca aposta no amargor elevado somado ao aroma cítrico para trazer uma cerveja com forte presença de lúpulos e sabor marcante característico.

 

2. Colorado

 

Em uma lista de cervejarias artesanais brasileiras, a Colorado não poderia ficar de fora. Uma das marcas mais expressivas no comércio nacional, a empresa foi fundada pelo carioca Marcelo Carneiro na cidade de Ribeirão Preto, em São Paulo, em 1996. Com mais de 20 anos de tradição, já conquistou alguns títulos importantes no ramo, inclusive na categoria Porter, em 2008, no European Beer Star com o rótulo Colorado Demoiselle. Em 2019, a Colorado Murica foi vencedora do prêmio World Beer Awards na categoria Cream Ale — a grande ideia foi usar graviola para adicionar um grau de cremosidade à cerveja e, assim, conquistar o título.

 

3. Wäls

 

Diretamente de Belo Horizonte, Minas Gerais, a cervejaria Wäls também faz questão de apresentar a sua marca para o Brasil todo. Nascida em 1999 na família Pedras Carneiro, é inspirada nas escolas cervejeiras belga, americana e tcheca. O rótulo Trippel foi vencedor na categoria Belgium Style Tripel no World Beer Awards, desbancando nomes internacionais. No estilo Belgium Strong Ale, tem uma coloração mais alaranjada e com espuma densa. Os 9% de álcool apontam para uma versão com sabor marcante, voltado para toques de coentro, casca de laranja e outras especiarias utilizadas pela marca.

 

4. Tupiniquim

 

No extremo sul do País, a cervejaria Tupiniquim usa como símbolo uma arara-azul para representar a fauna brasileira e criar uma identidade com a vasta cultura nacional. Originada na cidade de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, foi considerada a melhor cervejaria brasileira por 3 anos consecutivos no Festival de Blumenau (2015, 2016 e 2017). Entre os seus rótulos mais famosos está a Sesion de Caju, que, produzida com polpa de caju e de manga, é forte, clara e traz um sabor frutado e tropical.

 

5. Way Beer

 

Mais nova que as outras da lista, a Way Beer surgiu na região metropolitana de Curitiba, no Paraná, em 2010. O pouco tempo de história da empresa é compensado com muita inovação e criatividade na hora de criar suas cervejas. Entre seus títulos mais marcantes está a Amburana Lager, uma extraescura maturada em barris de Amburana cearense, comumente utilizada para a produção de cachaça. Durante sua produção, essa cerveja recebe uma variedade de maltes caramelizados e tostados, ressaltando o sabor da madeira, por isso tem como característica um sabor adocicado que reduz a percepção do álcool.

 

Fonte: Estadão